Trio feminino Cáustica lança EP: “Musas e Medusas” neste sábado em São Paulo

Foto: Carol Salgado/ColetivoContorno

Musas e Medusas é o nome do novo trabalho da Banda Cáustica, trio feminino que aposta no lugar fronteiriço entre o Rock e outras vertentes musicais. Para apresentar seu novo trabalho nada melhor do que fazê-lo com roqueiros de estrada como Matanza e Rancore, mesmo que seja para apontar novas direções às batidas clássicas e contagiantes do bom e velho rock. É justamente para dialogar e corromper que o EP “Musas e Medusas” será apresentado ao público dia 13 de agosto no Domina Mundi Music Festival em São Paulo e dia 07 de agosto no Festival Lets Go 5° Edição em Belo Horizonte. Ingressos promocionais com direito ao EP pelos telefones(31) 87492044 (11) 84072508 .

O EP surgiu da pesquisa sonora e poética que procura trazer à tona angústias e experiências do universo feminino com a sutileza e agressividade típicas das mulheres Cáusticas. Sem medo das contradições, as Cáusticas corroem o jazz, o pop e o rock em busca de uma sonoridade única e de uma dissolução capaz de contagiar e estarrecer o público ao mesmo tempo.

Lets Go 5° Edição

“Let’s Go”, é um festival de Rock, sem fins lucrativos, que visa a divulgação de artistas independentes. O evento teve suas duas primeiras edições realizadas no “Vicente Rock Bar”, em Sabará, nos dias 05/04/2009 e 05/07/2009, já a 3° e 4° edições, foram realizadas no “Motorock”, em BH nos dias 10/10/2009 e 13/12/2009.

No dia 07/08, ocorrerá a 5° edição do Festival, que se realizará no Centro Cultural Padre Eustáquio, contando com a presença das bandas: Consciência Suburbana(BH), Os Decréptos(BH), Selvagens(Ouro Preto) , Pato Junkie (Patos de Minas), Endorfina (BH), Dead Vines (BH) e Cáustica(BH). Dentro da programação do festival, além da apresentação das bandas, o público poderá conferir também a apresentação de zines e stands com produtos das bandas .

Mulheres Cáusticas

A banda Cáustica, ex Caution, completou uma década de existência em 2010 e decidiu se corromper, por que não? Quebrar as barreiras de estilos e trafegar num universo estético sem fronteiras: mesclando música com outras artes: literatura, artes cênicas e artes visuais. E são de experiências diversas no universo sonoro e artístico que as mulheres cáusticas se unem para compor músicas que dialogam mais com o indie-rock, isso para quem quer algum tipo de definição.

A Caution foi uma das primeiras bandas de rock feminino de Belo Horizonte e em 2008 recebeu em São Paulo, o Prêmio GRC Music 2008, na Categoria Revelação. Com duas demos lançadas: “Caution: Think about your life” (2002) e “Caminos” em 2006, material distribuído no circuito alternativo da América Latina: Argentina e Chile e também na Europa: Bélgica e Alemanha, hoje, como Cáustica, com letras em português, a banda acredita que pode alcançar voos mais altos, pois há uma cena grande para ser explorada ainda e um novo público a ser marcado pelo som destas mulheres.

A banda, depois de ter passado por algumas formações, encontrou novas identidades com a união de Brenda Mars (bateria), Polly Alves (baixo) e Pâmilla Vilas Boas (guitarra e voz). A partir do encontro dessas musicistas passou a produzir um som próprio, fruto da mescla de bagagens diferentes e amadurecimento musical das integrantes que já tiveram várias experiências como artistas.

Com esta formação a Cáustica se apresentou em 2010 na edição de Belo Horizonte do festival internacional Lady Fest, ao lado de bandas femininas como Dominatrix e na praça da Estação de Itabirito, no sábado de Carnaval, no Festival Grito Rock, o maior festival integrado da América Latina, realizado em 9 países: Brasil, Uruguai, Bolívia, Chile, Panama, Costa Rica, Honduras e El Salvador. Em abril deste ano, a Cáustica fez um pocket show durante a Feira Brasileira de Eventos, na Serraria Souza Pinto, despertando a atenção de produtores, público e outros artistas. Em junho tocou no Money Festival, na Lapa, Rio de Janeiro e no Centro Cultural Nem Secos, em Belo Horizonte.

A Cáustica mescla nos shows linguagens de outras artes, principalmente performances poéticas, já que a baterista Brenda Mars se destaca no cenário da poesia, com circulação de livros e apresentações em várias partes do Brasil e do mundo: Chicago (Estados Unidos), Paris (França), Dakar (Senegal), Havana (Cuba), Lisboa (Portugal), Buenos Aires (AR), Caracas (Venezuela), Santiago (Chile) e Montevidéu (Uruguai).




















BELO HORIZONTE

Lets Go 5° Edição

07 de agosto de 2011

Local: Centro Cultural Padre Eustáquio

Rua Jacutinga, 821 – Padre Eustáquio





















SÃO PAULO


Domina Mundi Music Festival
13 de agosto de 2011

Local: Clube de Regatas Tietê

Lançamento do EP da Cáustica "Musas e Medusas"


Ingressos

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Os Grandes projetos na Amazônia e seus impactos

Tropofonia do IMEL ganha prêmio Roquette Pinto de rádio-arte!

De volta à Pangéia: um dos contos DESnaturalizados de Brenda Mar(que)s Pena do Imersão Latina