Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2012

Festival de Cultura Nuestra América será lançado no próximo sábado em Curitiba

Imagem
No final de semana de 1º de dezembro acontece o lançamento do Festival de Cultura Nuestra América. Dando continuidade aos três eventos já realizados em 2012, a festa latinoamericana no Kubrick Bar (R. Trajano Reis, 351) começa a partir das 16h de sábado, com a presença de Gaia Piá, Alohavana e DJs Leo Magno e D-Solution tocando o melhor da cena alternativa e latinoamericana.

Já no domingo a programação é aberta ao público. O cortejo La Badunza percorrerá o Largo da Ordem a partir das 09h30 e conduzirá ao Memorial de Curitiba, precedendo o debate Ações para Integração Cultural do Mercosul. Entre os debatedores, estão Ulisses Galeto (Produtor Cultural), Paulino Viapiana (Secretário de Cultura do Estado), Marco Cordiolli (Agência Nacional de Cinema), Marila Velloso (Rede Sulamericana de Dança), Érico Massoli (Coletivo Soylocoporti) e Dimas Floriani (professor da Universidade Federal do Paraná e coordenador acadêmico da Casa Latinoamericana), entre outros nomes de referência no âmbito cu…

“Haití y América Latina: un encuentro urgente y necesario”

Encuentro de economistas y dirigentes sociales latinoamericanos denuncia la situación haitiana y requieren el retiro de las tropas de Naciones Unidas.

El 8° Coloquio Internacional anual , de la Sociedad Latinoamericana de Economía Política (SEPLA) fue llevado a cabo del 11 al 14 ede noviembre de 2012 en la ciudad Puerto Príncipe bajo el lema “Haití y América latina : un encuentro urgente y necesario” .

El evento centró la atención en el largo silencio y cuarentena que ha venido sufriendo históricamente y sufre hoy el pueblo haitiano desde su gesta en el siglo XIIX en contra de la esclavitud, a los momentos de separación, de divorcio, de malentendidos en el siglo XX y a la tragedia de la vergonzosa y dolorosa ocupación del suelo haitiano en la actualidad, ya en pleno siglo XXI, por fuerzas militares extranjeras bajo el paraguas de Naciones Unidas, la denominada MINUSTAH, con la presencia central de tropas de América Latina.

A lo largo de tres días una centena de economistas y representant…

La pequeña Escuela de las Américas de Guatemala

Imagem
Por Dawn Paley*
ALAI AMLATINA

Desde febrero, antropólogos forenses han hallado alrededor de 400 restos humanos en una base militar en Cobán, Guatemala, en lo que rápidamente se ha convertido en el descubrimiento de una de las mayores fosas comunes clandestinas del país. Durante el conflicto armado que azotó al país durante 36 años y que fue escenario de actos genocidas, la base de Cobán sirvió como centro de inteligencia para la coordinación de operaciones militares.

Pero lo que resulta extraordinario del caso es que la base militar sigue activa aún en el día de hoy: Efectivos militares y policiales extranjeros acuden con regularidad a la base para entrenar a tropas de Guatemala, El Salvador, Nicaragua, Honduras y República Dominicana. [1] En 2006, la zona militar de Cobán fue rebautizada con el nombre de CREOMPAZ, siglas para el Comando Regional de Entrenamiento de Operaciones de Mantenimiento de Paz.

La escalofriante historia de la base militar de Cobán en Guatemala y la impunidad frent…

Árvore de Natal Artesanal criada pelo poeta Antônio Dayrell ganha exposição na rodoviária de Belo Horizonte

Imagem
Exposição


Árvore de Natal Artesanal


de Antônio Carlos Dayrell


30 de novembro de 2012 a 6 de janeiro de 2013


das 8 às 20 horas


Hall de entrada da Rodoviária de Belo Horizonte

Apoio: Prefeitura de Belo Horizonte - Secretaria Regional Centro-Sul


Antônio Carlos Dayrell é Poeta, escritor, advogado, pós-graduado em Direito de Empresa e Colunista do Jornal Informação. Vencedor do V Concurso de Poesias da ACADELP - Academia Lagopratense de Letras. Autor, editor e idealizador da exposição Poesia Scrap e do livro e exposição Poesia Para Parar o Tempo, realizada em Lagoa da Prata, Santo Antônio do Monte, Bom Despacho e Belo Horizonte.




Nós da Poesia se apresenta no Terças Poéticas com lançamento de antologia internacional

Imagem
Antologia Nós da Poesia + 20 Nosotros organizada pelo Imersão Latina celebra a poesia de países da América Latina, África, Europa e etnias indígenas 

Com o tema “Sem Poesia a Vida é insustentável”, poetas de várias regiões do Brasil e de outros países se uniram na antologia Nós da Poesia + 20 Nosotros para celebrar a diversidade. Esta poética diversa, de ativistas culturais estará no Projeto Terças Poéticas, dia 27, às 18h30, nos Jardins Internos do Palácio das Artes (avenida Afonso Pena, 1537, centro, Belo Horizonte).

O livro que será lançado no Terças Poéticas foi feito especialmente para a Rio + 20, Conferência Mundial da ONU, realizada em junho, no Rio de Janeiro para discutir a sustentabilidade do Planeta. Os poetas Brenda Mars, Ênio Poeta e Helen Novaes, do Grupo Nós da Poesia se apresentaram durante a Cúpula dos Povos e no próximo Terças Poéticas se apresentam em Belo Horizonte. Além de recitais poéticos, ao final serão doadas mudas de plantas nativas, da Sociedade Amigos do Bo…

Para expressar a liberdade lute por uma nova lei para um novo tempo na Comunicação no Brasil

Imagem
O Comitê Mineiro do Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC) convida estudantes, ativistas, entidades, movimentos sociais e demais interessad@s para o lançamento da campanha Para Expressar a Liberdade – Uma nova lei para um novo tempo.  O evento vai acontecer no dia 28 de novembro, a partir das 19h, no Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais (Álvares Cabral, 400, BH). Iniciativa do FNDC e diversos grupos e movimentos da sociedade civil, a campanha chama a atenção para a urgência em se discutir novas políticas de comunicação para o país.

Contamos com seu apoio para legitimar e divulgar o evento. Abaixo segue o flyer com a programação completa do encontro! Inscrições e informações estão disponíveis no site do evento: www.paraexpressaraliberdademg.wordpress.com
Cordialmente, Comitê Mineiro do FNDC-MG

Bolívia aceita convite para se tornar membro pleno do Mercosul

Imagem
A Bolívia aceitou o convite oficial para se tornar um membro pleno do bloco sul-americano Mercosul e espera que os acordos referentes sejam assinados durante uma cúpula de líderes da região em dezembro, disse o presidente boliviano, Evo Morales, nesta quinta-feira.

Assim, a Bolívia seguirá os passos da Venezuela, que neste ano se tornou o quinto membro pleno do Mercosul, integrado originalmente por Argentina, Brasil, Uruguai e Paraguai, embora os paraguaios estejam suspensos temporariamente após um polêmico julgamento político que resultou no impeachment do ex-presidente Fernando Lugo.

"Esta proposta que nos fazem... para que sejamos membro pleno, estamos de acordo", disse Morales em discurso durante um ato militar transmitido ao vivo pela emissora de televisão estatal. Morales disse que o convite do Mercosul foi feito simultaneamente ao Equador, que assim como a Bolívia é atualmente membro de outro grupo regional de integração, a Comunidade Andina de Nações (CAN), da qual…

Nesta quinta tem reprise Disseminação 7 com exibição de filmes e debate com diretores no Centro de Cultura Belo Horizonte

Imagem

Especial América Latina em movimento II: o campo em disputa

Imagem
Por Roberta Traspadini*
Rádio Agência NP

A questão agrária na América Latina é uma das tônicas principais da luta de classes no continente desde a descoberta. Se, até as guerras da independência, a conquista e a colônia significaram um processo aberto de aniquilar a propriedade e o poder comunal inerente à relação dos povos originários com a terra, das guerras de independência em diante o panorama não mudou muito. A disputa continua. A sede por recursos e sujeição dos povos, entendidos ambos como recursos potenciais para o grande capital monopólico internacional, dão a tônica histórica do poder atual.

Nossa América Latina é composta, em toda sua especificidade índia, negra, mestiça, por quase 590 milhões de pessoas, das quais 513 milhões vivem em áreas urbanas e 77 milhões em áreas rurais. Após a política neoliberal instituída desde fim dos anos 80, em que os recursos e a política foram entregues, a baixo custo, ao grande capital transnacional, continuamos com uma vulnerabilidade e…

Especial América Latina em Movimento (I): um panorama de analfabetismo e desigualdade social

Imagem
Por Roberta Traspadini* Rádio Agência NP

América Latina segue um território prioritário para a expansão do capital em sua era de barbárie social extrema. Após mais de 500 anos de espoliação, nosso continente ainda possui enormes recursos naturais a serem expropriados e uma população de quase 300 milhões apta a ser superexplorada pelo capital e pronta para consumir mercadorias. Este é o resultado contraditório da histórica luta pela liberdade refugiada, na aparente igualdade burguesa. 
O centro do desenvolvimento desigual e combinado traz uma análise sobre nossa América em seu movimento permanente de dependência estrutural. Um panorama demográfico social.  O anuário estatístico 2011 da CEPAL, mostra que nossa América está estruturada na seguinte perspectiva: dos quase 597 milhões de pessoas, 277 milhões (163 milhões de homens e 133 milhões de mulheres) compõem o exército formal de trabalhadores aptos a serem explorados pelo capital no continente. A taxa de desemprego é de 7,1%. Ex…

Jornalistas tem até 20 de novembro para participar do 6º Prêmio Délio Rocha de Jornalismo de Interesse Público

Imagem
Até 20 de novembro, os jornalistas interessados em participar da sexta edição do Prêmio Délio Rocha de Jornalismo de Interesse Público podem inscrever suas reportagens de TV, rádio, fotografia, jornal e revistas. Estudantes de jornalismo podem concorrer na categoria Reportagem Impressa. O concurso, promovido pelo Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais, vai distribuir R$ 35.000,00 para os três primeiros colocados de cada categoria de reportagens.

O concurso tem patrocínio da Vale e Petrobras e apoio da Fiemg, Assembleia Legislativa de Minas Gerais, Governo de Minas e Unimed. As inscrições são feitas exclusivamente pela internet por meio do hot site Prêmio Délio Rocha (www.jornalistasdeminas.org.br). O participante pode inscrever até três trabalhos em formatos JPG ou PDF, de extensão até 10 MB (fotografia); DVD ou arquivo WMV até 50 MB ((televisão); MP3 até 20 MB (rádio) e PDF até 10 MB(jornal e revista).

O regulamento do 6º Prêmio tem nova exigência para as inscrições…

Colombia: Foro Nacional de Comunicación Indígena

Imagem
El Año 2012 ha sido declarado Año Internacional de la Comunicación Indígena. Es en este marco se ha programado el Foro Nacional de Comunicación Indígena, como un amplio escenario de diálogo, reflexión e intercambio, en el que participarán numerosas autoridades tradicionales y líderes de procesos de comunicación indígena, igual que representantes de instituciones públicas (MINTIC, MINCULTURA), movimientos sociales, académicos y expertos en comunicación que puedan contribuir a fortalecer los procesos de comunicación propia de los pueblos indígenas.

 En este Foro Nacional de Comunicación Indígena, se espera identificar líneas estratégicas así como componentes y mecanismos que contribuyan a la construcción concertada de una Política Pública Diferencial de Comunicación e Información de los Pueblos Indígenas de Colombia y hacer visible la diversidad cultural, garantizar el derecho a la comunicación y la información, así como el acceso a los medios y nuevas tecnologías, a la producción de …

Puerto Rico: Marco complicado para la descolonización

Imagem
Jesús Dávila*
ALAI AMLATINA

La preparación para el inicio formal en diciembre del proceso de descolonización de Puerto Rico – con la notificación a Washington del reclamo puertorriqueño de poner fin a la condición colonial- se produce en el marco de una intensificación del tema de la autodeterminación en islas que todavía están bajo dominio de potencias extra caribeñas.

Pero la notificación puertorriqueña, clara en lo tocante a la mayoría absoluta que rechazó la colonia en el plebiscito del 6 de noviembre, será un rompecabezas en cuanto a las alternativas para atender el asunto y desde ya se anticipa discusiones sobre sus posibilidades debido a que presenta el cuadro de esta pequeña nación dividida en al menos cuatro tendencias.

La versión más difundida en la prensa internacional es que Puerto Rico optó por la anexión con un 61 por ciento de los sufragios, mientras la libre asociación recibió cerca del 33 por ciento y la independencia, el cinco por ciento. El problema es que de los electo…

Festival Sagarana Feito Rosa para o Sertão debate cultura, identidade e sustentabilidade

Imagem
5ª edição do festival “SAGARANA: FEITO ROSA PARA O SERTÃO – VEREDAS VIOLADAS” que se realizará em Sagarana – Distrito do Município de Arinos/MG, no período de 14 a 17 de novembro de 2012.
As atividades do evento buscam valorizar, em todas as suas edições, as ações, manifestações e a diversidade cultural das populações tradicionais e de parceiros do Vale do Rio Urucuia, consolidando compromissos e parcerias para a promoção do desenvolvimento sustentável regional.
Nesta edição, faremos uma homenagem aos violeiros e promoveremos o diálogo da cultura popular e da defesa ambiental. Sob o tema VEREDAS VIOLADAS, pretendemos atingir dois aspectos primordiais para apreservação da vida. VEREDAS VIOLADAS – preservação do canto da viola, expressão maior da cultura sertaneja. Com a presença de violeiros locais, regionais, de renome nacional e internacional e sob a curadoria de Chico Lobo, apresentaremos uma mostra de viola nos dias 06 e 09 de setembro, em que terão espaço para apresentação 05 viol…

Mês da Consciência Negra é celebrado em Belo Horizonte com a presença do nobel de literatura Wole Soyinka

Imagem
O ativista político, escritor e dramaturgo nigeriano Wole Soyinka, primeiro africano laureado com o Prêmio Nobel de Literatura, é o convidado especial da Noite das Artes, evento realizado pela Fundação Municipal de Cultura e pelo Instituto de Arte e Cultura Yorùbá, no próximo dia 13 de novembro, às 18h30, no Teatro Marília. A entrada é gratuita.

Na Conferência Magna em homenagem ao Mês da Consciência Negra, o intelectual nigeriano discutirá a presença negra no mundo e, sobretudo, a participação brasileira no Festival Internacional de Arte Negra, que será realizado em 2013, na cidade de Lagos, Nigéria. No mesmo dia, às 20h30, Wole aproveita o encontro para lançar o seu mais recente livro “O Leão e a Joia”.

O evento conta com o apoio do Centro de Negócios, Cultura e Cooperação Nigéria-Brasil, Belotur, Coordenadoria Municipal de Promoção da Igualdade Racial de BH e Nandyala Livraria & Editora.

Noite das Artes
Dia 13, às 18h30
Teatro Marília – Av. Alfredo Balena, 586, Santa Ef…

Dobra poética de Ronaldo Werneck será lançado nesta quarta em São Paulo na Casa das Rosas

Imagem
Na próxima quarta-feira, 14 de novembro, Ronaldo Werneck estará na Casa das Rosas, em São Paulo para o lançamento de cataminas pomba & outros rios, leitura e debate com poetas da Dobra Editorial.

Jorge Ventura lança Faca de Ponta Fogo de Palha no Rio de Janeiro pela Oficina de Editores

Imagem
(Clique na imagem do Convite para ampliar e visualizar melhor as informações)

Ativistas em solidariedade aos Guarani-Kaiowá fazem ato em frente ao Parque Municipal embaixo de chuva

Imagem
Nesta sexta-feira, 09 de novembro, manifestantes solidários aos Guarani-Kaiowá, foram as ruas para um ato de Lut(a) em defesa dos povos indígenas do Brasil. Em Belo Horizonte, a manifestação realizada em frente ao Parque Municipal foi marcada pela leitura de poemas, artigos e cantos.

Na foto ao acima, a presidente do Instituto Imersão Latina (Imel), Brenda Marques Pena, lê o poema abaixo, enviado pela Delasnieve Daspet, Embaixadora Universal da Paz e Presidente da Associação Internacional Poetas del Mundo. Estiveram presentes no ato também os poetas: Ênio, Severino Yabá, Avelin Rosana, integrantes do Nós da Poesia
Veja outras fotos da manifestação e acompanhe sobre esta luta e participe também pela nossa rede http://imersaolatina.ning.com

O suicida não quer se matar - quer matar a sua dor.     - Elegia ao Povo Guarani  - Por Delasnieve Daspet .
Trago, hoje, meu canto triste, doloroso, de luto, de mágoa,
Num sentimento que me corta a alma...
Nênias para quem não entendeu que não existem mais…