Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2014

¿Quiénes son los profesores de América Latina y el Caribe?

Imagem
Carlos Ayala Ramírez
ALAI AMLATINA
Una reciente investigación del Banco Mundial busca dar una respuesta fundamentada a esta pregunta: ¿quiénes son los profesores de América Latina y el Caribe? En principio, hace una apreciación cuantitativa: “Cada día, más de 7 millones de profesores se presentan a trabajar en las aulas de toda América Latina y el Caribe. Estos hombres y mujeres representan el 4% de la fuerza laboral total de la región y más del 20% de los trabajadores técnicos y profesionales. Sus salarios absorben aproximadamente el 4% del producto interno bruto (PIB) de la región”. Luego, nos habla de sus diferenciadas condiciones de trabajo, desde escuelas rurales de una sola aula con paredes de adobe hasta establecimientos de primera calidad. Y lo más decisivo: a los profesores se les reconoce cada vez más como actores clave en los esfuerzos de la región por mejorar la calidad y los resultados educativos.

El estudio sostiene que la calidad docente es necesaria y urgente, porque en…

Psiu Poético: Oficina de Origami com André Assis e montagem da exposição de poemas do Tripsiu começa hoje em Montes Claros

Imagem
O 28° Salão Nacional de Poesia Psiu Poético convida a todos para participar da Oficina de Origami, ministrada por André Assis, que acontecerá a partir da próxima segunda-feira (29/09), no Centro Cultural Hermes de Paula, e tem como objetivo produzir material para a montagem da exposição de poemas do Tripsiu. Durante a oficina, os participantes terão a oportunidade de aprender técnicas de dobradura e desenvolver suas habilidades manuais, além de auxiliar na montagem da exposição. Venha colocar a mão na massa e fazer parte de um trabalho de experimentação colaborativa!
INFORMAÇÕES
Oficina de Origami e Montagem da Exposição
Período: de 29/09 a 03/10
Horário: 09h às 12h / 14h às 18h (conforme disponibilidade do participante) Material: folhas de papel colorido tamanho A4 Idade mínima: 10 anos Local: Galeria Godofredo Guedes do Centro Cultural Hermes de Paula Endereço: Praça Dr. Chaves, 32 – Centro (Praça da Matriz). Entrada Gratuita

Veja programação completa do Psiu Poético em
www.psiupoetico.com.br

Mídia e Eleições na América Latina: Brasil, Chile e Venezuela: amanhã tem debate na Unesp

Debate Cedem/Unesp: 30/09/14
Campanhas presidenciais: Mídia e eleições na América Latina: Brasil, Chile e Venezuela,de Katia Saisi, editora Medianiz Ltda – Porto Alegre/RS-2014, será  tema do Debate Cedem/Unesp, a ser realizado no dia 30 de setembro de 2014 às 18h30, promovido pelo Cedem – Centro de Documentação e Memória da Unesp.

As campanhas que elegeram Dilma Rousseff, Sebastián Piñera e Hugo Chávez como presidentes do Brasil, do Chile e da Venezuela são o foco da análise deste livro, que esmiúça a relação entre mídia e política nesses países. Katia Saisi acompanha a propaganda televisiva dos candidatos e a cobertura diária dos principais jornais desses países: Folha e Estado, no Brasil, El Mercurio, no Chile, e El Universal, na Venezuela. Mas antes de mergulhar no universo de cada país, a autora traça um panorama da democracia na América Latina, descrevendo os processos históricos, políticos e eleitorais dos 20 países que integram a região. O sistema legislativo e o financiamento de…

Debate com presidenciáveis sobre comunicação pública foi cancelado pela Empresa Brasil de Comunicação por falta de confirmação no evento

Imagem
Reproduzimos abaixo nota do Conselho Curador da EBC sobre o cancelamento:

O Conselho Curador da EBC vem por meio desta informar que o debate entre os candidatos à Presidência da República sobre o tema da comunicação, programado pela Empresa Brasil de Comunicação, em parceria com a FrenteCom (Frente Parlamentar pela Liberdade de Expressão e Direito à Comunicação com Participação Popular), e com apoio deste colegiado, não será realizado.
As negociações com as assessorias das campanhas acabaram frustradas pela recusa ou pelo desinteresse de quase metade das candidaturas em participarem do evento. A regra acordada para a realização do debate era de que os participantes juntos, somassem ao menos 20% das intenções de voto segundo os principais institutos nacionais de pesquisa, o que não ocorreu.
A ação faria parte do processo de organização do Fórum Brasil de Comunicação Pública 2014, a ser realizado em novembro, e do qual o Conselho Curador da EBC é um dos organizadores. O debate também foi u…

Nós da Poesia chega a quarta edição e lançamento é hoje na AMI com música, poesia e fotografia

Imagem
Nós da Poesia: vozes da rua será lançado na Associação Mineira de Imprensa com música, poesia e exposição fotográfica O livro Nós da Poesia: vozes da rua, organizado pelo Instituto Imersão Latina será lançado nesta quinta-feira, 25 de setembro, na Associação Mineira de Imprensa com música, poesia e exposição fotográfica. A programação lembra os 50 anos do golpe militar valorizando a liberdade nas expressões culturais e faz homenagem a artistas como Geraldo Vandré que sofreram com a ditadura no Brasil. A entrada é franca, mas lembre-se de levar R$ 20,00 para adquirir o livro Nós da Poesia: vozes da rua que será lançado no evento. A AMI – Associação Mineira de Imprensa fica na rua da Bahia 1450 – Belo Horizonte, Minas Gerais. Programação:
19h: Abertura da exposição fotográfica Vozes da rua
20h: Show poético-musical com Marcos Assumpção (voz e violão) e Brenda Mars (percussão e poesia)
20h30 Homenagem a Geraldo Vandré com Dalva Silveira
20h40: Sarau aberto com Grupo Nós da Poesia e poeta…

México: La reforma para el campo, la resistencia y la alternativa

Víctor M. Quintana S.
ALAI AMLATINA
Lo que está en juego estos días, estos meses en México con referencia al campo no es sólo un proyecto sexenal más de reforma al medio rural; es la imposición de un modo civilizatorio que está calentando al planeta y a la sociedad global y el paciente surgimiento de una alternativa humanista, incluyente al mismo.

1. Se agota una fase del neoliberalismo en el campo…

El campo mexicano lleva más de treinta años de despojo no sólo intenso sino también consagrado por las leyes y las instituciones.  La reforma institucional impuesta a sangre y fuego durante los gobiernos de Salinas y de Zedillo cumplió un papel importante: hacer funcionales nuestras leyes y nuestras instituciones al nuevo ciclo de expansión del capitalismo en el campo, ese que Blanca Rubio llama “la nueva fase agroalimentaria global”.  Con ellas se integró el país al manejo global de los alimentos como “commodities”, como importador de cereales, oleaginosas, cárnicos y lácteos a la vez dej…

Povos indígenas estão em crescimento na América Latina

Imagem
Cepal destaca avanços em saúde, educação e participação política dos povos 
A América Latina tem 826 povos indígenas, com 45 milhões de pessoas que representam 8,3% da população total da região, segundo um relatório apresentado ontem em Nova York pela CEPAL, que destaca melhorias em saúde, educação e participação política na última década, informou a AFP, segundo o site UOL. O novo número de 45 milhões de indígenas até 2010 significa um aumento de 49,3% na primeira década do século 21, já que, em seu relatório anterior, de 2007, a Comissão Econômica para a América Latina da ONU havia estimado um número de 30 milhões de pessoas e 624 povos autóctones em 2000. A apresentação do documento ocorreu no âmbito da Conferência Mundial sobre os Povos Indígenas que as Nações Unidas (ONU) realizam ontem e hoje e em cuja abertura participaram vários presidentes latino-americanos, como Evo Morales (Bolívia), Michelle Bachelet (Chile) e Enrique Peña Nieto (México). “Trata-se de uma ‘recuperação demo…

Nós da Poesia: vozes da rua será lançado na Associação Mineira de Imprensa com música, poesia e exposição fotográfica

Imagem
O  livro Nós da Poesia: vozes da rua, organizado pelo Instituto Imersão Latina será lançado nesta quinta-feira, 25 de setembro, na Associação Mineira de Imprensa com música, poesia e exposição fotográfica. A programação lembra os 50 anos do golpe militar valorizando a liberdade nas expressões culturais e faz homenagem a artistas como Geraldo Vandré que sofreram com a ditadura no Brasil.

A entrada é franca, mas lembre-se de levar R$ 20,00 para adquirir o livro Nós da Poesia: vozes da rua que será lançado no evento.

A AMI - Associação Mineira de Imprensa fica na rua da Bahia 1450 - Belo Horizonte, Minas Gerais.
Mais informações: (31) 8811-9469
nosdapoesia.blogspot.com

Programação:

19h: Abertura da exposição fotográfica Vozes da rua
20h: Show poético-musical com Marcos Assumpção (voz e violão) e Brenda Mars (percussão e poesia)
20h30 Homenagem a Geraldo Vandré com Dalva Silveira
20h40: Sarau aberto com Grupo Nós da Poesia e poetas convidados
21h30: Encerramento:  Cláudio Carvalho (voz e v…

IV Fórum Permanente Arte e Cultura da América Latina

Imagem
Pesquisadores e críticos de arte refletem sobre a permanência das utopias nas expressões artísticas da América Latina

Criado há quatro anos pela crítica de arte Mariza Bertoli e um grupo de pesquisadores, o Fórum Permanente Arte e Cultura da América Latina escolheu para a edição desde ano, a ser realizada em 23 de setembro próximo, o tema Para não deixar morrer a Utopia. Em torno desse eixo, os conferencistas, ligados em sua maioria às universidades paulistas, desenvolverão seus temas com base em pesquisas ou experiências realizadas em países da América Latina.

Para não deixar morrer a Utopia é uma reflexão e a confirmação de que persistem na construção das várias expressões artísticas da América Latina, motivações individuais e coletivas de transformação da ordem social e política através da experiência estética. O IV Fórum Permanente Arte e Cultura da América Latina terá lugar no Auditório de Música da Universidade Estadual Paulista, campus Barra Funda, com …

A questão indígena no Brasil

Imagem
Conquistas e ameaças: Notícias da questão indígena no Brasil Em época de eleições, os direitos dos povos originários e a sua cultura passam despercebidos nos programas eleitorais. Conflitos envolvendo demarcação de terras, assassinatos e ameaças são recorrentes. Por outro lado, a valorização da cultura e das tradições indígenas também vem ganhando espaço pelo país com encontros e organização entre as comunidades e etnias. A mídia NINJA compilou as últimas notícias e apresenta um recorte da atual situação. > Massacre Ashaninka: Lideranças indígenas são assassinadas no Peru na fronteira com o Acre Leia a matéria completa. No capítulo mais recente das vulnerabilidades às quais estão expostos indígenas brasileiros, quatro lideranças da etnia Ashanika foram assassinadas devido a disputas com madeireiras ilegais e o narcotráfico na fronteira entre Peru e Brasil no último mês. > Justiça aos Tembés - Após 35 anos de luta, povo indígena tem terra demarcada

Projeto Nas Alturas da Arte e da Paz estará em Paraopeba amanhã

Imagem
Depois de realizar o projeto em Brumadinho, onde tivemos uma tarde e noite maravilhosos na companhia dos alunos das oficinas, equipe e pessoal da Casa da Culutura. Também contamos com a presença da Secretária de Cultura e Turismo e da escritora Norália Mello, que presenteou a todos com o seu mais novo livro, da poética do sonho, o projeto Nas Alturas da Arte e da Paz estará na sexta, 19 de setembro, em Paraopeba. As incrições já estão abertas e podem ser feitas neste site até sexta-feira, dia que o projeto estará na cidade.

Endereço: rua Alexandre Finamore França, 134, Dom Bosco, Paraopeba, Minas Gerais.

Mais informações e inscrições gratuitas para as oficinas (vagas limitadas) : www.anjonasalturas.com.br

Telefone: 3714-3129


Campanha SOS Maxakali continua e no sábado tem festa multicultural em apoio aos povos indígenas

Imagem
O Comitê Mineiro de Apoio aos povos Indígenas a presenta o documentário Baí Xexká que mostra a realidade do povo Maxakali tribo indígena do nordeste de Minas Gerais, povo específico, rico em diversidade cultural.
O Curta metragem feito na ocasião de Audiência Pública na cidade de Águas Formosas, dia 10 de julho de 2014, com o tema: Atenção Básica à saúde dos Indígenas Maxakali.
Sub-tema:A exposição dos indígenas a situações de vulnerabilidade e o surto que vitimou crianças Maxakali em 2014.
A campanha SOS Maxakali surgiu do tamanho da calamidade que se abateu sobre o povo Maxakali, com altos índices de morte de crianças por diarreia e desnutrição, e doenças relacionadas ao uso de água contaminada e imprópria para consumo humano. A campanha recolheu ao longo de 4 meses de coleta em eventos em escolas e parques da cidade de Belo Horizonte mais de 500 kilos de doações em comidas, roupas e sapatos além de centenas de litros de água mineral.

O desafio agora é o envio das doações de BH a cidade…