Postagens

Mostrando postagens de Março, 2015

FSM e FMML 2015: Carta Mundial de Medios Libres

Imagem
Minga Informativa de Movimientos Sociales
---------------------------------------------
(Túnez, marzo 2015)

Nosotras/os, comunicadores/as y activistas, comprometida(o)s con múltiples prácticas de comunicación emancipadoras de diferentes regiones del mundo, libremente reunida(o)s en marzo de 2015, en Túnez, con motivo del 4to Foro mundial de medios libres, organizados en el marco del Foro Social Mundial 2015,

Adoptamos la presente Carta mundial de medios libres, como resultado de nuestra reflexión colectiva iniciada en 2013, y como expresión de nuestra voz de resistencia y de compromiso a favor de una comunicación justa y emancipadora, atenta a las evoluciones del mundo y de nuestra Humanidad.

Somos mujeres y hombres comunicadores/as, activistas, periodistas, hackers, medios comunitarios, medios asociativos o libres, movimientos sociales u organizaciones populares.

Somos blogueras y blogueros, productoras/ores audiovisuales, desarrolladora/es de tecnología libre, asociaciones, redes, sindica…

FSM 2015: Un Foro Social para construir la Internet de la ciudadanía

ALAI AMLATINA
A pesar de que, en todo el mundo, los actores y movimientos sociales han integrado Internet y el ciberespacio como una dimensión clave de sus procesos de trabajo, organización y articulación, su inclusión como tema del debate político-estratégico ha sido, hasta ahora, marginal; sigue predominando una visión instrumental.  Cuanto más, el debate se desarrolla en el ámbito de la comunicación, cuando de hecho se trata también de una nueva dimensión de la economía, la política, la cultura y el ordenamiento social, con enormes implicaciones en términos de reacomodos de poder y para el futuro mismo de la democracia.

La propuesta presentada en el Foro Social Mundial 2015, que recién culminó en Túnez (24-29 marzo), de organizar un Foro Social Temático sobre Internet, busca abrir un camino para ampliar esta visión, a la vez que abrir un debate hacia la construcción de una agenda común en la materia.

La iniciativa, que ya cuenta con un centenar de organizaciones adherentes, y que …

FSM 2015: Mídia livre lança Carta Mundial durante Fórum Social na Tunísia

Imagem
A Carta Mundial da Mídia Livre, com princípios e ações estratégicas para promover uma comunicação democrática em todo mundo, foi lançada neste sábado (28/3) na Assembleia de Convergência pelo Direito à Comunicação, no último dia do Fórum Social Mundial (FSM), na Universidade El Manar, em Túnis, capital da Tunísia.
A carta também defende a governança democrática da internet, incluindo a garantia de neutralidade da rede, o direito à vida privada e à liberdade de expressão, além da universalização do acesso aos meios de comunicação e à internet banda larga.

Após o lançamento da carta, os ativistas da comunicação pretendem construir parcerias com outros setores para a promoção dos princípios do documento e divulgar o documento em debates e fóruns de discussão sobre as mídias e a internet livres, entre outras iniciativas.

Comunicadores, blogueiros e representantes de movimentos sociais de diversos países debateram, desde o dia 22 de março, a liberdade de expressão e o direito à comunicação…

FSM 2015: Participantes do Fórum de Mídia livre discutem ciberativismo e internet como direito

Imagem
Por Mônica Mourão
Ciranda.net

A internet como ferramenta de mobilização social, a necessidade de apropriação tecnológica e os desafios da legislação sobre o tema são três preocupações fundamentais dos movimentos sociais com relação ao uso da rede. Na manhã de segunda-feira (23/3), no Fórum de Mídia Livre, mais de 20 participantes debateram o tema.
Num esforço de pensar a internet como uma ferramenta capaz de potencializar as mobilizações feitas também fora do mundo virtual, Laura Daudén, jornalista e consultora da ONG Conectas, defendeu que, apesar de as redes serem naturalmente aglutinadoras, a capacidade de articulação dela é limitada. “O grande desafio dos movimentos sociais é combinar a capacidade agregadora das redes com a capacidade de articulação dos movimentos sociais. Exemplos de Seattle até a Primavera Árabe mostram que o que foi bem sucedido na rede, foi bem sucedido também na articulação do mundo real”, disse.

Uma forte mobilização de militantes e entidades do movimento d…

Terreiro de Brother reúne manifestações culturais diversas

Imagem
Shows de música e poesia vão fazer do Centro Mineiro de Cultura no bairro São Paulo uma reunião de ritmos e vozes
O Centro Mineiro de Cultura apresenta Terreiro de Brother, shows itinerantes que se iniciam neste sábado, 28 de março, às 19 horas. O Centro Mineiro de Cultura fica na rua Maria Piétra Machado 123, no bairro São Paulo. O espaço conhecido como curral do samba já recebeu em sua história artistas diversos.
O músico Djalma Januário, vocalista da banda Agbara e agente cultural de longa data, junto com percussionista Jone Herno coordenam esse significante projeto que vai girar de norte a sul de Belo Horizonte.
A abertura do Terreiro de Brother será uma grande celebração de arte, no mês internacional das mulheres e da poesia. A noite começa com o recital Poesias de Março, coordenado pela Associação Internacional de Poetas, Imersão Latina e UNIAC. Estão confirmadas a participação dos poetas:  Brenda Mars, Carlos Barroso, Consuelo Aragão, Ênio Poeta, José Hilton Rosa, Martha Reis, New…

Ministro da Cultura do Brasil realiza debate por hangout sobre a criação do Gabinete Digital

Imagem
Hangout com Juca Ferreira debate criação de Gabinete Digital no MinC
A abertura do Ministério da Cultura ao diálogo e à participação social será tema de hangout –bate-papo em vídeo-hojem, às 14h30, com o ministro da Cultura, Juca Ferreira, e convidados. Participarão do debate o secretário de Articulações Institucionais, Vinícius Wu, o diretor teatral Marcus Faustini, o cientista político Leonardo Avritzer, os professores Wilson Gomes (UFBA) e Débora Resende (UNB) e Adriano de Angelis assessor especial do ministro.
O evento é o primeiro de uma série que norteará a criação do Gabinete Digital do MinC, o planejamento de reestruturação do Conselho Nacional de Políticas Culturais – CNPC e a definição de um novo modelo de Conferência Nacional de Cultura.
Após o hangout, os convidados e mais outros ligados ao tema realizarão uma oficina para detalhar as proposições levantadas durante o encontro. A oficina também será transmitida e as propostas, reunidas em um documento, serão disponibilizada…

Cine Medios Libres do Imersão Latina começa hoje no Fórum Social Mundial de Mídia Livre na Tunísia

Imagem
Hoje será inaugurado, durante o 4o Fórum Mundial de Mídia Livre e o Fórum Social Mundial, o 2o Cine Médios Libres, mostra que aborda a produção midialivrista mundial, na Universidade El Manar, Escola de Engenharia, por volta das 17h, no Auditório. Os filmes escolhidos estão listados abaixo, e vamos abrir com uma serie de curtas. A mostra vai acontecer todas tardes após as atividades do FMML e no dia 23 pela manhã.
Relação dos filmes: 1_2 Olho
Bety Cariño Trujillo
Brad Will – Uma noite nas barricadas
Aldeia Maracanã
Cine Kurumin
Deux Tunisiens face aux policiers em civil à Tunis
FSM Dakar
Homenage a Zouhair Yahyaoui
Hommage a Chokri Belaid
Nabil Barakati
Rádio Interferencia Radio Livre Rio de Janeiro
Rádios Livres no Fórum Social Mundial 2003
Redeyef 2008
La Morte de Teresa Bautista
Tunisie – Evénements Bassin Minier de Gafsa
tunis sidi bouzid انتفاضة الرديف
Mandamentos camarada mártir Shokri Belaid ‫وصايا الرفيق الشهيد شكري بلعيد
Cenas exclusivas da violência da PM no despejo da Aldeia Maracanã (RJ)
L…

As principais mensagens do filme Saneamento Básico

Imagem
Por Antonio Lopes Cordeiro (Toni)*
Fui convidado pela minha orientadora de Mestrado, Elisabete Stradiotto Siqueira, a escrever um capítulo de um livro que ela está idealizando, onde a partir do conteúdo de um filme seja possível fazer uma análise da Administração.
Como a minha área é Administração Pública, escolhi o Filme Saneamento Básico, que de uma forma simples e descontraída nos oferece conteúdo suficiente para fazer uma ampla análise da situação do saneamento básico nas cidades brasileiras. Segue abaixo uma parte do capítulo, justamente a que faz uma leitura do filme.
Partindo da realidade da maioria das cidades brasileiras, pode ser observado que o filme aborda um contexto peculiar, ao situá-lo num vilarejo sulino com moradores descendentes de italianos. Isso caracteriza que aqueles moradores, apesar de morarem numa periferia, ou com características de periferia, pelo abandono do poder público, sabem se defender e reivindicar seus direitos. Situação bem diferente dos migrantes que…

Projeto de lei da biodiversidade é repudiado por ter sido elaborado sem a participação dos povos tradicionais

Imagem
Entidades pedem retirada da urgência do PL 2/2015
Movimentos sociais em favor dos direitos dos povos indígenas e comunidades tradicionais participaram, nesta quarta-feira (18), da segunda audiência pública conjunta, realizada no Senado Federal, para debater o novo marco da biodiversidade. O Projeto de Lei Complementar (PLC) 2/2015 tramita em regime de urgência no Congresso.

Maira Smith, representante da Fundação Nacional do Índio (Funai), destacou a importância dos povos indígenas na domesticação das plantas e espécies da agrobiodiversidade brasileira que hoje são usadas na alimentação e na agricultura e disse que a Funai repudiou todo o processo em que o novo marco legal foi elaborado sem qualquer participação dos povos indígenas .

A representante da Comissão Nacional de Desenvolvimento Sustentável dos Povos e Comunidades Tradicionais, Cláudia Pinho, leu uma carta de entidades que representam indígenas, agricultores familiares e comunidades tradicionais apontando dezessete pontos que…