Cineclube latino do IMEL exibe mostra Mulheres e Revoluções nesta quarta no Espaço Cultural Casa do Fernando


O Cineclube Na Tela e o Instituto Imersão Latina (IMEL), com o apoio do Cineclube Movimenta, orgulhosamente apresentam o cine clube latino-americano e mostra fotográfica do IMEL no Espaço Cultural Casa do Fernando (rua Francisco Bicalho 668, bairro Padre Eustáquio - Belo Horizonte/MG), na próxima quarta-feira, 19 de maio, a partir das 19 horas.

O Espaço Cultural Casa do Fernando está localizado em uma casa que abriga um belo jardim “intra-muros”, e foi dedicada a ser espaço de cultura pelo repórter fotográfico, autor e diretor teatral Fernando Barbosa. Os filmes a serem exibidos no Cine Clube Latino. que apresenta uma retrospectiva do FELCO Festival Latinoamericano da Classe Obrera 2010 com a Mostra Mulheres e Revoluções são:

Rio de Mulheres (Brasil, 2009. 21’ – documentário – Dir. Cristina Maure e Joana Oliveira)
Em um ambiente muito seco, onde a água é escassa, mulheres vivem suas vidas em meio a crianças e outras mulheres à espera dos maridos que todos os anos deixam suas casas e vão para o sul em busca de trabalho.
Classificação: 16 anos

Chicha, esperanza y dolor (Rosa Teichmann e Guilhermo Kancepolsky –
Argentina – 52 min – 2008)
Documentário sobre Chicha Mariani, fundadora de Abuelas de Plaza de Mayo.

Além dos documentários do FELCO também haverá a exibição de:

Mulheres Breves, finalista do Festival de Cinema Feminino "Tudo sobre Mulheres", da Chapada dos Guimarães, em Mato Grosso, em 2006.
(Brasil - 12'05'' - 2005 - Produção e direção: Jaak Bosmans, roteiro: Kêmia Maria de Almeida Pereira e Jaak Bosmans, animação: Eliel Quaresma).

Mulheres breves é um vídeo-livro da obra da autora Kênia Maria de Almeida Pereira, ilustrado por Rafael Tannus, publicado pela Editora Scortecci SP em 2005, onde é retratada a diversidade feminina tanto no seu universo real como nos sonhos, tudo se insinua pela perspectiva poético-irônica. O vídeo entrelaça texto, xilogravuras e interpretação.Com este formato o vídeo Mulheres Breves propõe um novo acesso à obra literária , ganhando, portanto, um caráter experimental.

Realizado em Uberlândia com a colaboração da UNITRI
(através de recursos para a presença no Festival) e da VOZ da AMÉRICA (criação de trilha sonora especial e realizando toda a sonorização e mixagem final.)

Haverá debate com o diretor Jaak Bosmans após as exibições.

Além da mostra de filmes, haverá uma exposição de fotografia especial dos 100 anos do dia internacional das mulheres com fotos da jornalista e presidente do IMEL, Brenda Marques, da marcha das mulheres em ato unificado, em Belo Horizonte e algumas imagens enviadas da marcha de São Paulo, entre outras históricas.

O material exibido é parte integrante do acervo do Instituto Imersão Latina e do Espaço Cultural da Casa do Fernando, que estará aberto à visitação nos dias de cine-clube e de imersões culturais. A idéia é que o local se torne uma casa de referência da diversidade cultural latino-americana.

A entrada é franca, mas contribuições voluntárias são bem-vindas.


Haverá venda de livros para ajudar a custear as nossas atividades.

Mais informações:
Nelson Pombo Jr - nelsinho@imersaolatina.com
Coordenador do Cineclube Latina
Brenda Marques Pena - brenda@imersaolatina.com
Presidente do Instituto Imersão Latina
Foto: Cineclube latino - inauguração no dia 05 de maio de 2010. Por Brenda Marques.
Veja outras fotos na nossa rede http://imersaolatina.ning.com

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tropofonia do IMEL ganha prêmio Roquette Pinto de rádio-arte!

Os Grandes projetos na Amazônia e seus impactos