Abertura do FELCO-BH será hoje com o documentário sobre a ocupação Dandara

De 28 de abril a 2 de maio de 2010 acontece no Cine Humberto Mauro / Palácio das Artes, a 5ª Edição Belo Horizonte do Festival Latino Americano da Classe Obrera (Cinema e Vídeo).

A mostra começa com o documentário "Dandara", vídeo que registra a luta popular das ocupações urbanas. Todas as atividades da programação são gratuitas e abertas ao público jovem e adulto em geral.

Este ano o Imersão Latina (IMEL) está coordenando as atividades do Espaço Cultural Casa do Fernando (rua Francisco Bicalho, 668, bairro Padre Eustáquio, que se tornam um dos espaços de intinerância do Felco. Exibiremos documentários do Felco nos dias 5 e 19 de maio, às 19 horas. Sendo que o dia 5 de maio, antes da exibição, às 18 horas haverá apresentação musical, exibição de vídeo e uma conversa com o coral de Lavadeiras de Almenara e Carlos Farias e mostra de fotos do Ato unificado dos 100 anos do 8 de março em Belo Horizonte, da fotógrafa e presidente do IMEL, Brenda Marques.

Intitulada Mulheres e Revoluções / Utopias e Barbáries, a edição 2010 do Felco apresenta como referência estética e reflexiva a participação feminina nas lutas sociais e políticas na América Latina.

Na programação, filmes clássicos e contemporâneos do cinema Latino Americano serão apresentados ao público durante cinco dias no Cine Humberto Mauro, com sessões gratuitas programadas em três mostras:

Mulheres e Revoluções, que reúne filmes históricos e atuais de cineastas de ambos os sexos e de grupos de coletivos que abordam a luta feminina no contexto social da América Latina.

Utopias e Barbáries, que trás obras diversas sob a curadoria do cineasta Silvio Tendler, que apontam para as transformações em curso na América Latina e no Mundo após a segunda Guerra Mundial.

Vídeo-Ativismo, com obras de cunho social e político que retratam as atuais frentes de lutas dos oprimidos e das classes trabalhadoras na América Latina.

Além dos filmes, estão programados debates com o público com a presença de realizadores convidados, oficinas culturais e o lançamento da segunda edição do catálogo da Rede Felco Minas Gerais.

A Edição Especial FELCO BH acontece anualmente no Cine Humberto Mauro de onde segue com programação itinerante por vários espaços alternativos da cidade, região metropolitana de Belo Horizonte e interior do Estado de Minas Gerais.

Programação de hoje
28/4 – Quarta-Feira
17h – Mostra Vídeo-Ativismo

■Dandara (Bra, 2010. 15’ – documentário- Dir. Coletiva)

O vídeo registra a Marcha realizada pelas Ocupações Camilo Torres e Dandara, de Belo Horizonte, em julho de 2009. Uma jornada de mais de 20 km que deu voz à luta contra a ineficiência da política habitacional e a intolerância dos Governos Municipal e Estadual. "Por uma cidade onde caibam todos e todas!"

Classificação: 16 anos

■Rio de Mulheres (Bra, 2009. 21’ – documentário – Dir. Cristina Maure e Joana Oliveira)

Em um ambiente muito seco, onde a água é escassa, mulheres vivem suas vidas em meio a crianças e outras mulheres à espera dos maridos que todos os anos deixam suas casas e vão para o sul em busca de trabalho.

Classificação: 16 anos

■O Migrante (Bra, 2008. 82’- documentário - Dir. Carlos Machado)


Todos os anos, há várias décadas, milhares de trabalhadores do Norte de Minas Gerais e do Nordeste brasileiro migram em busca de trabalho. No interior de São Paulo e em outras áreas, no meio de extensas monoculturas de cana, o migrante enfrenta a saudade da família, o trabalho penoso, riscos de acidentes, câimbras e há registros de morte por exaustão durante o trabalho. Atualmente, o processo de mecanização acena com benefícios ambientais, mas ameaça com desemprego. Trata-se de um dilema sócio-ambiental no
principal centro do agronegócio brasileiro que afeta diretamente comunidades inteiras do Vale do Jequitinhonha.

Classificação: 16 anos
________

19h - Sessão Itaú Cultural
___________
21h – Mostra Mulheres e Revoluções


■Elena (Malena Bystrowicz – Argentina – 53 min – 2008)

Documentário sobre Elena Varela, cineasta chilena presa e torturada pela polícia durante a realização de um filme sobre as lutas dos Mapuches.

Classificação: 16 anos – Legendas em Espanhol

■O pequeno exército louco (Lúcia Murat – Brasil – 50 min – 1984)
Documentário na Nicarágua em 1978 e 1979 durante o combate contra Somoza.
Classificação: 16 anos

Confira a programação completa e outras informações na Rede ning do Felco!

Texto e Fotos de Brenda Marques, Presidente do Imel, com informações da rede FELCO.
Imagens do ato unificado das mulheres em Belo Horizonte, 8 de março de 2010 - 100 anos de luta das mulheres.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tropofonia do IMEL ganha prêmio Roquette Pinto de rádio-arte!

Os Grandes projetos na Amazônia e seus impactos