XVII Convenção Nacional de Solidariedade a Cuba será em Florianópolis


A Assembléia Legislativa de Santa Catarina recebe de 10 a 13 de junho de 2009 a XVII Convenção Nacional de Solidariedade a Cuba nos 50 anos da Revolução Cubana. Confira a programação e participe!

II. PROGRAMAÇÃO

10 de Junho (Quarta-feira)

9h . Credenciamento no local do evento.
19h - Abertura oficial da convenção:
Abertura com apresentação cultural (música, dança e execução do hinos nacionais de Cuba eBrasil). Fala da ACJM-SC. Convidar para a mesa Sr. Embaixador de Cubae presidente do ICAP, que falariam sobre os 50 anos da revolução,representante do legislativo catarinense, governo do estado,prefeitura municipal. Abertura da palavra aos partidos e organizaçõespolíticas (cada organização tem 3 minutos de intervenção, só paracumprimentos), fechando com a intervenção do representante da ALESC que convida para confraternização.

22h - Confraternização.

11 de Junho (Quinta-feira)

9h - ACJM- SC abre e explica a sistematização dos trabalhos,informes. Associações de solidariedade dão informes das atividadesrealizadas desde o Rio de Janeiro (cerca de 06 entidades dos estadosde SC, SP, RJ, MG, PE e CE) - 05 minutos para cada entidade.

10h - Palestra e debate: 50 Anos da Revolução Cubana: A Desinformaçãoe a Solidariedade (01 hora de debate): Mesa formada pelo Presidente doICAP e um palestrante brasileiro.

14h - Grupos de debate / trabalho (em dois locais distintos):

a) Luta contra o bloqueio, informação e desinformação, paginavirtual. Presença do Presidente da União dos Jornalistas de Cuba Tubal Paez;

b) Solidariedade: Presença do Presidente do ICAP - Jorge Marti Martinez.Cada grupo de trabalho terá um coordenador e um relator de uma dasassociações, que iniciará com um informe do que foi definido naconvenção anterior. Haverá uma intervenção de cada um dos convidados,e, em seguida um debate. O Relatório das propostas deverá ser escritono final, e, passado para a Comissão Central que se encarregará dadigitação. Os Nomes de palestrantes ainda dependem de confirmação.

19h - Reunião com diretores de entidades de solidariedade no Brasil.
20h - Atividade Cultural.

12 de Junho (Sexta-feira)

09h - A ACJM- SC abre e explica a sistematização dos trabalhos,informes. Associações de solidariedade dão informes das atividadesrealizadas desde o Rio de Janeiro (as entidades que não falaram noprimeiro dia). Cerca de 05 minutos por entidade.

10h - Palestra e debate: 50 Anos da Revolução Cubana: A Questão dos Cinco Heróis e a Questão da Juventude (01 hora de debate): Mesaformada por algum debatedor da tarde.

14h - Grupos de debate/trabalho:

c) Libertação dos 5 heróis Cubanos . Roberto Gonzalez (advogadoe irmão de Rene Gonzalez); d) Juventude, convênios educacionais, associações de pais deestudantes, etc . dirigente da FEU Cubana.Ter coordenação e relatoria pré-definidas. Elaborar relatório aofinal. Mesma dinâmica do dia anterior. Os nomes de palestrantes aindaa confirmar.

20h - Festa de confraternização pelos 50 anos da Revolução Cubana

13 de junho (Sábado)

9h - apresentação dos relatórios dos grupos de trabalho dos dias 11e 12 pelos seus relatores;
- discussão e aprovação dos relatórios;
- aprovação da Declaração de Florianópolis;
- definições do local da convenção do próximo ano;
- palavra final do organizador da próxima convenção e do Presidente do ICAP.

12h - Encerramento

XVII Convenção Nacional de Solidariedade a Cuba no Brasil.
Florianópolis, Santa Catarina, de 10 a 13 de Junho 2009
Viva os 50 anos da Revolução Cubana!

Foto: Ursula Bahia.

Informações enviadas por Telma Araújo, Diretora da Associação Cultural José Marti de Minas Gerais
telma.araujo@superig.com.br

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Os Grandes projetos na Amazônia e seus impactos

De volta à Pangéia: um dos contos DESnaturalizados de Brenda Mar(que)s Pena do Imersão Latina