Hoje é o último dia para indicar pessoas e entidades culturais brasileiras para receber a Ordem do Mérito Cultural do Ministério da Cultura


Qual personalidade você gostaria de homenagear com a Ordem do Mérito Cultural? Até o dia 28 de junho, o Ministério da Cultura (MinC) recebe indicações para a edição de 2013 do prêmio. A condecoração é dada a personalidades, grupos artísticos, iniciativas ou instituições que se destacaram por suas contribuições à Cultura brasileira. A edição deste ano da Ordem do Mérito Cultural homenageia Tomie Ohtake e Oscar Niemeyer. O Auditório do Ibirapuera, em São Paulo, criado pelo arquiteto e que recebeu grande escultura da artista japonesa, será palco da cerimônia de entrega dos prêmios. As indicações podem ser feitas por qualquer pessoa através de um formulário online (clique para acessar). Ou via correio, por meio do seguinte endereço: Ordem do Mérito Cultural 2013, Ministério da Cultura, Assessoria de Comunicação Social, Esplanada dos Ministérios, Bloco B, 4º andar, CEP 70068-900 Brasília – Distrito Federal.
A Ordem do Mérito Cultural 2013 homenageará dois grandes talentos da nossa Cultura: Tomie Ohtake, uma das maiores expoentes das artes visuais no Brasil, que comemora seu centenário neste ano, e Oscar Niemeyer, um dos nomes mais importantes da arquitetura moderna mundial, que morreu em 2012. A cerimônia de entrega dos prêmios acontecerá no dia 5 de novembro, no Auditório do Ibirapuera (foto), em São Paulo, espaço criado por Niemeyer e que recebeu escultura que ocupa parte das paredes e do forro, assinada por Tomie.
A Ordem do Mérito Cultural foi criada pelo MinC em 1995 e tem por finalidade premiar personalidades, órgãos e entidades públicas e privadas, nacionais e estrangeiras, que se distinguiram por suas relevantes contribuições à cultura. A cerimônia é feita anualmente em comemoração ao Dia Nacional da Cultura, 5 de novembro.
A artista Tomie Ohtake (foto à direita) considerou sua indicação como mais um gesto de acolhimento que recebe do Brasil: "Desde que cheguei ao Brasil, senti que estava em um país acolhedor. Hoje, depois de tantos anos e de ter me tornado brasileira, percebo também como o esforço e o trabalho são reconhecidos. Por isso sou orgulhosa da obra que realizei e de fazer parte desta linda nação", afirmou Tomie em nota enviada ao MinC.
A homenagem ao arquiteto também foi comentada pela Fundação Oscar Niemeyer: "A Fundação fica muito honrada com a indicação de Oscar Niemeyer para homenageado deste ano da Ordem do Mérito Cultural. Ele sempre valorizou a cultura e defendeu que as pessoas buscassem ampliar seus conhecimentos através dela." Niemeyer foi agraciado em vida com medalhas nas classes Grã-Cruz e Comendador.
A cada edição da Ordem do Mérito Cultural, uma ou mais personalidades ou instituições são escolhidas para receber homenagem especial, tornando-se ao mesmo tempo o tema dessa condecoração. Na última edição (2012), o Rei do Baião, Luiz Gonzaga, foi o grande homenageado especial da festa, que abre para a população a possibilidade de indicação de outros premiados.
No site do MinC todos podem indicar pessoas ou entidades, nacionais ou internacionais, que tenham relevantes contribuições à cultura brasileira. Encerrado o período de contribuições, os nomes sugeridos são analisados pelo Conselho da Ordem do Mérito. Desde 1995, mais de 500 personalidades foram agraciadas nas três classes - Grã-Cruz; Comendador e Cavaleiro-, assim como 60 instituições receberam a medalha sem grau das classes.
Homenageados
Tomie Ohtake é uma das maiores expoentes das artes visuais no Brasil. Nasceu no Japão em 21 de novembro de 1913 e continua trabalhando intensamente mesmo estando próxima de completar 100 anos. Tomie Ohtake passou a pintar quando já tinha 40 anos, naturalizou-se brasileira em 1968. Tem carreira reconhecida nacional e internacionalmente. Além da pintura, também transita com desenvoltura pela gravura e pela escultura. O Instituto Tomie Ohtake, que leva o nome da artista, é um dos mais reconhecidos polos difusores de arte do País ao promover exposições nacionais e internacionais, sempre com entrada gratuita, além de ações educativas abertas à comunidade.
Oscar Niemeyer (foto à esquerda): Falecido em 2012, aos 104 anos, Oscar Niemeyer é um dos mais importantes e respeitados arquitetos da história. Com sua arquitetura que dizia ser inspirada na "curva que encontro nas montanhas do meu país, no curso sinuoso dos seus rios, nas ondas do mar, no corpo da mulher preferida", Niemeyer foi figura fundamental no desenvolvimento da arquitetura moderna.  Entre suas obras estão os projetos do Palácio da Alvorada, do Congresso Nacional, do Palácio do Planalto e do Supremo Tribunal Federal, além de tantos outros, em Brasília. Também foi membro do Comitê Internacional de Arquitetos encarregado do desenvolvimento do projeto da sede da ONU na década de 1940. Impedido pela ditadura militar de trabalhar no Brasil, devido a seu engajamento político, Niemeyer se muda para a França de onde sua obra ganha ainda mais o Mundo.
Texto: Ascom MinC
Foto de Capa: Auditório do Ibirapuera - Crédito: Cesar Barreto/Fundação Oscar Niemeyer
Informações do site do Ministério da Cultura: www.cultura.gov.br

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Os Grandes projetos na Amazônia e seus impactos

De volta à Pangéia: um dos contos DESnaturalizados de Brenda Mar(que)s Pena do Imersão Latina