Decifrar signos sem ser sábio, competente


Retratos por Lorena Travassos

A mostra fotográfica Decifrar signos sem ser sábio, competente, proposta por Lorena Travassos, em parceria com o Instituto de Imersão Latina (IMEL), tem como inspiração a música "Volver a los 17", música da compositora chilena Violeta Parra, eternizada pela voz da cantora argentina Mercedes Sosa.

A canção "Volver a los 17" fala de uma paixão de uma mulher por um rapaz de 17 anos. É uma canção forte e singela, que mostra um mundo entre amantes com contrastes impostos pela idade, porém intensa, como qualquer história de amor.

A mostra fotográfica proposta é composta por 10 fotos p&b, retratando mulheres em momento de reflexão, paixão e entrega. Em cada retrato, a protagonista vive o dilema diante da possibilidade da solidão, tentando evitá-la ou adaptar-se a ela. Neste estado de espírito procura-se afeto, o outro, a felicidade e decifrar signos sem ser sábio.

Desvendar signos sem ser sábio, competente (2010)
Fotografia p&b
Lorena Travassos
São Paulo – SP
Informações e contato:

lorenakrs@gmail.com
(11) 8524-9910
www.flickr.com/estrelamiuda

5 ANOS de IMERSÃO LATINA

A mostra de Lorena Travassos integra as atividades de 5 anos do Instituto Imersão Latina, uma associação de jornalistas, escritores e artistas que valoriza a diversidade cultural, o intercâmbio de experiências e trabalha pela defesa dos direitos dos povos à comunicação e cultura.

Saiba mais em nosso site imersaolatina.com e faça parte da nossa rede: imersaolatina.ning.com – (31) 3227-6868 (31) 88119469

Mostra fotográfica Decifrar signos sem ser sábio, competentede 4 a 31 outubro 2010
Local: Bar Godofredo Guedes (aberto de terça a domingo)
Rua: Paraisópolis, 738, bairro Santa Tereza
Cidade: Belo Horizonte, Minas Gerais/Brasil
Telefone: (31) 3483-6341

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Os Grandes projetos na Amazônia e seus impactos

De volta à Pangéia: um dos contos DESnaturalizados de Brenda Mar(que)s Pena do Imersão Latina

Tropofonia do IMEL ganha prêmio Roquette Pinto de rádio-arte!