Pular para o conteúdo principal

O perfume de Sândalo na obra de Neuza Ladeira



Por Jurandir Persichini Cunha*


Permita-nos uma licença poética para iniciar nosso comentário sobre a arte de Neuza Ladeira citando uma expressão, passível até de ser considerada clichê, porém cunhada por poeta onírico, onde vislumbramos verossimilhança a um sândalo: O sândalo perfuma o machado que o fere! O sândalo traz proteção e aumenta o poder da concentração.

E vamos encontrar na obra de Neuza uma personificação semântica e tautócrona: perfumada e verdadeira. E, ao mesmo tempo, dedicada e melíflua como um anjinho barroco, ou uma penugem de um passarinho. Com seus gestos largos e fala gutural, porém firme e cativante, ela nos conduz em suas obras a um cenário de pensamentos que refletem uma essência de luz e revela toda a sua intimidade, principalmente quando utiliza o instrumento do inconsciente ofertado através das buscas memoriais como a abordagem simbólica, ideológica, ou na contra-mão e resistência das revelações falsamente tonitruantes.
Sensível e imaginativa, dona de um temperamento escancarado de encanto, ela age como uma antena sensível que capta sentimentos e se insinua pronta para se incorporar espírito de uma fantasia libertária. Tudo isso como fruto de introspecção no inóculo rigor dos pesados coturnos que lhe surrupiaram a liberdade, mas não conseguiram aprisionar sua poesia singular.

Dissecando a obra de Neuza Ladeira não vejo, vez nenhuma, qualquer hermetismo nos seus trabalhos, seja na pintura, desenho ou poesia. Apenas deixo um alerta: Para entender Neuza Ladeira, temos que ter o saudável exercício do pensamento e da interpretação para saber encontrar e saber ler na estrutura desenhada pelos seus pincéis e tudo mais que é desfilado ao meio dos lírios, dos campos e dos guaches traduzidos como os pilares de sua obra refletidos pelo figurativo e pelo expressionismo retornam o significado de um instrumento de investigação do sentido íntimo, primacial, do universo.

Em sua manifestação artística está reproduzindo todo o conteúdo emocional e as reações subjetivas que exercem forte domínio sobre o convencionalismo e a razão. Além de tudo - pelo inconsciente coletivo. E nada é por acaso. Cada traço, risco ou matiz/matriz de sua obra nos conduz a uma rede emaranhada de lembranças que nos chegam livres da reminiscência amargurada.

Não podemos ter preguiça para entender o que ela nos apresenta recondidamente. Em gotas ou em goles, seu pensamento nos chega baseado em que um dia Jung afirmou ser a estrutura da forma e que consiste em ser componente da psique, presente nela desde o nascimento, e nos chega a uma hipótese verdadeira e refinada – a existência de um substrato desconhecido de nós pobres mortais. A expressão barroca de Neuza Ladeira é pura poesia ressoante no sabor amargo e escarlate da resistência e que hoje nos chega doce e sem ressentimentos da crueldade que um dia lhe atingiu...

*Jornalista, poeta e crítico bissexto nascido em Amparo da Serra – MG. Anistiado político
Publicado em: http://www.neuzaladeira.com.br/


Exposição Primavera Ambivalente da artista Neuza Ladeira


Local: Cozinha de Minas
(Rua Gonçalves Dias, 45 Funcionários – Belo Horizonte/Minas Gerais)

De 21/09 a 11/10/2008

Abertura: 21 de setembro às 14hs

Em breve divulgaremos as atrações do Recital Poético.

Brenda Marques Pena
Jornalista Presidente do Imersão Latina

http://www.imersaolatina.com/
http://www.imersaolatina.blogspot.com/

Comentários

MyWoldPlus disse…
Become a rich man from the opportunity, depending on choice!
Immediately free reservation
I never thought making money could be so simple.This system literally does 99% of the work for me. And with a product that EVERYBODY can use,this is a definite HOME RUN!
2008 as easily the most simple of the most profitable Internet business!
Welcome to!
http://shiou.myworlddiscounts.com/
Part-time earn 1,000 U.S. dollars per month
Free login URL:
http://shiou.myworldmovie.comUpon
completion of sign free! Part-time teaching you how to easily earn 1,000 U.S. dollars per month!
Our system is designed to do everything it can to help YOU succeed.

Postagens mais visitadas deste blog

Tropofonia do IMEL ganha prêmio Roquette Pinto de rádio-arte!

"É com muita satisfação que a ARPUB e o MinC informam que o projeto Tropofonia: um laboratório de sons e sentidos, proposto pelo Instituto Imersão Latina - IMEL foi selecionado para receber o Prêmio Roqutette Pinto de Fomento à Produção de Programas Radiofônicos, na categoria rádio-arte/experimentação sonora."

COMISSÃO DE SELEÇÃO DO I PRÊMIO ROQUETTE- PINTO
ARPUB - Associação das Rádios Públicas do Brasil

"Nós do Instituto Imersão Latina (IMEL) e do Tropofonia recebemos esta notícia hoje e agradecemos a todos que participaram desse processo de construção coletiva do projeto até aqui. O programa Tropofonia agora será disponibilizado para circular pelas rádios comunitárias e educativas de todo o Brasil. Que essa onda se perpetue por todos os ares da América Latina!"
Brenda Marques Pena, Presidente do Instituto Imersão Latina

A Comissão de Seleção do I Concurso de Fomento à Produção de Programas Radiofônicos - Prêmio Roquette-Pinto foi composta pelos membros:

Patrick Torqua…

Os Grandes projetos na Amazônia e seus impactos

“Realizar uma grande aliança dos quem tem modos de vida ligados a terra, as águas e as florestas, povos indígenas,comunidades de camponeses e ribeirinhos e demais entidades sociais que sofrem os impactos dos grandes projetos na Amazônia e de quem se solidariza com eles, para estabelecer a resistência a diversos níveis, local, regional, nacional einternacional”, é o que sugere uma das conclusões do Seminário Internacional de Grandes Projetos na Amazônia e seus Impactos. As conclusões do Seminário foram publicadas no site do Cimi no último dia 6.


Eis a carta final do encontro:

Nós, membros de Movimentos Sociais e Organizações Indígenas da Amazônia Brasileira, Peruana e Boliviana e do Conselho Missionário Indigenista – Cimi, reunidos no “Seminário Internacional de Grandes Projetos na Amazônia e seus Impactos”, nos dias 2, 3 e 4 de junho de 2010, na cidade de Rio Branco, estado do Acre,

Considerando:

1) Que os grandes projetos da IIRSA(Iniciativa para Integração da Infra-Estrutura da América …

De volta à Pangéia: um dos contos DESnaturalizados de Brenda Mar(que)s Pena do Imersão Latina

De volta à Pangéia* Quem sabe a arte console hoje todos os corações solitários carentes da real beleza muda dos materiais e cores dos sonhos, como intocáveis desejos do querer. Esse era o último apelo de Péricles: viver um deja vu de emoções. Assim as lembranças tomavam o chá das onze com ele todos os dias, como se cada gota tivesse o gosto de um amigo ou amante distante. E foi assim todos os finais de noite, até que a terra se transformou novamente na Pangeia, quando não havia essa divisão entre continentes. E no meio desse emaranhado de terras Péricles viajou no tempo, provocando a erupção de mil vulcões até que a lavra do amor queimou para sempre os corpos…. Brenda Mar(que)s Pena durante lançamento de DESnaturalizados. Foto: Marja Marques *Miniconto do meu livro (DES)naturalizados. Exemplares à venda por R$ 15,00 no Coletivo Contorno (avenida do Contorno 4640 – sala 701, bairro Funcionários) e na Casa Leopoldina (rua Leopoldina 357, bairro Santo Antônio). Peça também pelo e-mail: co…