Jornalistas discutem Comunicação Pública em Minas Gerais

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais realiza na próxima terça-feira, 2/9/14, a partir das 8h30, na sua sede, o encontro “A Comunicação Pública em Minas Gerais: Realidade e Desafios”. O encontro vai debater a situação da comunicação pública no estado e é aberto a toda a sociedade que se interessa pelo tema, especialmente aos jornalistas e trabalhadores em comunicação. Dele resultará um documento que será encaminhado aos candidatos a governador do estado nas eleições de outubro. A entrada é gratuita e não é preciso fazer credenciamento.
Esta é a primeira de uma série de ações do Sindicato visando à criação de um fórum de comunicação pública em Minas Gerais. O encontro terá duas mesas, seguidas de debate: “Conteúdo e programação nos veículos públicos de comunicação”, às 9h, e “O Modelo Jurídico Institucional, de Financiamento e Gestão dos Veículos de Comunicação Pública”, às 14h. Ao final será redigido o documento para os candidatos. 
Condições de trabalho
A comunicação pública não se confunde com comunicação estatal nem com comunicação governamental. Ela é um direito humano e como tal deve ser garantido pelos governos, por meio de uma política pública estável. O Sindicato dos Jornalistas defende que os veículos públicos exerçam seu papel funcionando de forma independente e praticando a liberdade de informação. Para isso é fundamental que os jornalistas e demais trabalhadores na comunicação tenham condições de trabalho adequadas para o exercício profissional.
“A mudança na comunicação pública começa pelas condições de trabalho para os profissionais de comunicação”, ressalta a diretora Secretária do Sindicato, Verônica Pimenta, enfatizando a importância de participação dos jornalistas no encontro. “Unir os jornalistas em torno da comunicação pública é defender a profissão e o jornalismo”, observa.
Este debate diz respeito não só aos jornalistas, mas a todos os trabalhadores, por isso foram também convidados representantes de todas as centrais sindicais, de sindicatos e de movimentos sociais, além de participantes da Confecom (Conferência Nacional de Comunicação), do FNDC (Fórum Nacional de Democratização da Comunicação) e outros defensores da comunicação pública como um direito humano.
O Sindicato entende que a Rádio Inconfidência, a Rede Minas e demais órgãos públicos de comunicação estaduais são grandes patrimônios do povo mineiro, que precisam ser cuidados e melhorados. “O Sindicato reafirma seu compromisso com os trabalhadores, com a sociedade e com seu histórico de luta pela comunicação pública”, enfatiza a diretora.
SERVIÇO:
Encontro "A Comunicação Pública em Minas Gerais: Realidade e Desafios"
Data: 2 de setembro de 2014, terça-feira
Horário: a partir das 8h30
Local: Casa do Jornalista - Avenida Álvares Cabral, 400, Centro, Belo Horizonte.
Informações(31) 3224-5450
assessoria@sjpmg.org.br
http://www.sjpmg.org.br/ 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tropofonia do IMEL ganha prêmio Roquette Pinto de rádio-arte!

Os Grandes projetos na Amazônia e seus impactos