Campanha SOS Maxakali continua e no sábado tem festa multicultural em apoio aos povos indígenas


O Comitê Mineiro de Apoio aos povos Indígenas a presenta o documentário Baí Xexká que mostra a realidade do povo Maxakali tribo indígena do nordeste de Minas Gerais, povo específico, rico em diversidade cultural.

O Curta metragem feito na ocasião de Audiência Pública na cidade de Águas Formosas, dia 10 de julho de 2014, com o tema: Atenção Básica à saúde dos Indígenas Maxakali.
Sub-tema:A exposição dos indígenas a situações de vulnerabilidade e o surto que vitimou crianças Maxakali em 2014.

A campanha SOS Maxakali surgiu do tamanho da calamidade que se abateu sobre o povo Maxakali, com altos índices de morte de crianças por diarreia e desnutrição, e doenças relacionadas ao uso de água contaminada e imprópria para consumo humano. A campanha recolheu ao longo de 4 meses de coleta em eventos em escolas e parques da cidade de Belo Horizonte mais de 500 kilos de doações em comidas, roupas e sapatos além de centenas de litros de água mineral.

O desafio agora é o envio das doações de BH a cidade de Santa Helena de Minas,que fica 600 kilomêtros de distância da capital todo processo de doações da campanha desde a organização, coleta,viagens e eventos tem sido feito de forma voluntária e sem nenhum vínculo institucional ou partidário.Com o único e exclusivo objetivo de levar aos parentes Maxakali um pouco de alento em meio a tanto sofrimento.E acima de tudo fortalecer a luta da resistência do povo Indígena contra o genocídio institucionalizado que vêm sendo implementado sobre os povos indígenas de todo o mundo no decorrer dos séculos de exploração e pilhagem a que estes povos originais sofreram e sofrem.
Com a exibição do vídeo pretendemos chamar a atenção da cidade e do Estado e dos que tenham olhos e ouvidos voltados para a justiça social para a situação dos indígenas Maxakali de MG.Arrecadar fundos para o envio de donativos e fortalecer a campanha de forma permanente para que alcance as demais aldeias Maxakali do estado de Minas e da Bahia.

Serviço:
EXIBIÇÃO DO DOCUMENTÁRIO BAÍ XEXKÁ

ESPAÇO CULTURAL FÔLEGO RUA DA BAHIA N°1176-CENTRO-BH
 AO LADO DA GALERIA EDIFÍCIO MALETA
RODA DE CONVERSA SOBRE A QUESTÃO INDÍGENA
EXPOSIÇÃO E VENDA DE ARTESANATO
CANTINA DE IGUARIAS INDÍGENAS
VENDA DE CAMISETAS ÉTNICAS
MÚSICA (BANDA CÁUSTICA E FAB PALLADINO)

Comitê Mineiro de Apoio aos Povos Indígenas


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Os Grandes projetos na Amazônia e seus impactos

De volta à Pangéia: um dos contos DESnaturalizados de Brenda Mar(que)s Pena do Imersão Latina